• Assine-Já
  • Minha Conta
  • E-mail
  • Obtendo... Obtendo cidade 00º C Obtendo tempo... 00:0000:00 -- km/h


    A Nasa publicou imagens nesta sexta-feira (19) mostrando a espetacular descida de seu veículo de exploração Perseverance à superfície de Marte, suspenso por cabos para desacelerá-lo, as primeiras imagens de uma manobra desse tipo. A Nave pousou no planeta na quinta-feira.

    As primeiras fotos que chegaram foram "muito emocionantes, a nossa equipe enlouqueceu", disse a chefe de sistemas da operação, Pauline Hwang.
    "A equipe científica imediatamente começou a olhar para as rochas e a se aproximar para dizer, 'o que é isso?' Não poderia ter sido melhor", resumiu.

    Objetivo da missão é buscar vestígios de vida em um local do planeta que já foi um lago há bilhões de anos. Perseverance é o robô explorador mais sofisticado já enviado ao espaço.

    A Nasa também publicou fotos tiradas por uma câmera a bordo da Mars Reconnaissance Orbiter, uma sonda norte-americana enviada à Marte em 2005 para procurar evidências de água no planeta.

    As imagens mostram Perseverance pousando com a ajuda de um paraquedas na cratera de Jezero onde ficavam um rio e um lago há bilhões de anos.



    As primeiras imagens divulgadas ainda na quinta-feira, logo após o pouso da espaçonave em Marte, eram fotos em preto e branco em baixa resolução. Mas, as novas fotos têm maior qualidade de imagem.

    Elas mostram os últimos 20 metros da descida, enquanto seus oito motores trabalhavam para desacelerar o dispositivo.

    "Pode-se ver a poeira sendo levantada pelos motores do veículo", disse Adam Steltzner, diretor de engenharia do Perseverance. Ele acredita que a foto captura o momento em que a nave chegou a quase dois metros do solo.



    Os três cabos paralelos na imagem são freios mecânicos e uma terceira extremidade curva é uma sonda para transmitir dados da câmera para o dispositivo.

    Quando o veículo tocou o solo, os cabos de 6,4 metros foram cortados, permitindo que ele descesse de forma independente.

    O Perseverance também conseguiu enviar uma imagem que mostra o interior da cratera de Jezero e outra de uma de suas rodas na superfície rochosa de Marte.



    "Uma das perguntas que vamos nos fazer primeiro é se essas rochas são vulcânicas ou se originaram de sedimentos", explicou a vice-diretora de projetos científicos da NASA, Katie Stack Morgan.

    As rochas vulcânicas encontradas lá têm a particularidade de sua idade poder ser datada com altíssima precisão, uma vez que as amostras sejam trazidas à Terra em uma missão futura, que é promissora do ponto de vista da ciência planetária.

    Nos próximos dias, a Nasa espera ter mais imagens e vídeos de alta resolução, mas ainda não se sabe se foi capaz de capturar sons de Marte usando os microfones com que o Perseverance está equipado.

    Steltzner estimou que esta dúvida pode ser esclarecida no início da próxima semana.